Pesquisar este blog

Mística

Beleza e Alegria, Graça e Refúgio: Viver na Presença da Mãe Divina


é tão natural morrer de amor...


 Não perguntarei qual é a sua vontade,

estou entregue ao seu desejo,

feito um pequeno barco no oceano,

feito uma folha na tempestade,

sou insignificante na sua presença.


Não perguntarei o que você quer de mim,

estou tão entregue em seus braços,

estou tão largado em seu peito

que sinto o seu coração bater 

em compasso com o meu coração. 


Não preciso de razão para te amar

não preciso de motivos para ficar

para sempre contemplando na sua presença

basta sentir os seus olhos amorosos me olhando

que tenho todas as razões para nunca mais desviar 

meu olhar do seu olhar que acalenta e acalma o meu ser.


Não preciso se quer que me olhe,

não preciso se quer que se aproxime,

basta saber que você existe

para que eu sonhe contigo

feito um noivo perdido de amor e sonhos.


Não preciso explicar porque te amo,

não preciso entender porque te quero,

não preciso nem mesmo saber

porque sou capaz de morrer por ti;

é tão natural de olhar e se apaixonar

é tão natural morrer de amor,

é tão natural quanto se molhar na chuva

e se aquecer no sol. 

 

Se você nunca me direcionar uma palavra,

se você nunca me der um sorriso,

eu terei todos os seus olhares,

todos os seus sorrisos e todas as suas palavras

como se fossem todas para mim.


Quem nesse mundo é digno de sonhar contigo,

de levantar o olhar para te contemplar tão bela 

e tão pura feito a luz de um novo céu.   

Nunes