poeta Nunes

sexta-feira, 11 de janeiro de 2019

O Cristo é crucificado

Resultado de imagem para O Cristo é crucificado

Entre nuvens escuras
O Cristo é crucificado
Numa agonia de morte,
Ao fundo das imagens e pensamentos de pecado.

Nesse instante de agonia e morte
Pelos meus pecados, uma voz exclama:

"Cristo, funda meu corpo ao teu corpo,
Meu sangue ao teu sangue
Meu espírito ao teu espírito."

J.Nunes  

quinta-feira, 10 de janeiro de 2019

Caminho negligenciado

Eu não te abandonei,
Apenas vou contigo por outro caminho,
Te levo em meu coração,
Você sempre foi o meu primeiro e único amor.

As batalhas da vida
Sempre me puxavam para o caminho
Da vida ativa e prática,
Porém eu sempre vivi embaixo de suas asas amorosas,
Eu sempre quis estar no silêncio de meu quarto,
Eu sempre quis estar apenas em seus braços,
Eu quis uma vida contemplação.

Havia um desencontro,
O mundo cobrava de mim mais consciência e ação,
Então eu te pedi que me desse os teus aspectos
Apropriados a uma vida dentro desse mundo de trabalho e guerra;
Estão despertastes em mim a consciência,
A sabedoria e o discernimento para viver
Uma vida de acordo com o caminho
Que  me vou entregue desde o meu nascimento.

Deixei suas asas amorosas,
Agora sou o guerreiro em seu nome,
Seu filho que anda ao seu lado
Pelo meu caminho antes negligenciado.

José Nunes Pereira

quarta-feira, 9 de janeiro de 2019

Eu quis habitar embaixo de suas asas amorosas

Procurei as tuas asas,
Morei nos teus silêncios,
Contemplei o teu olhar
E quis morar em tua casa
Onde vivemos o amor, a compaixão
E a felicidade de morar contigo.

Eu quis habitar embaixo de suas asas amorosas,
Dedicar todas as horas a contemplar-te
E a viver nessa paisagem mística e bucólica de minha alma.

Descobri  que as obrigações da vida cotidiana
Chamam  por mim,
E tenho que deixar suas asas amorosas
E viver a face mais dinâmica de meu ser.

José Nunes Pereira


   

terça-feira, 8 de janeiro de 2019

Elias

Elias, o profeta Imortal
Veio entre as névoas da montanha.

O profeta Elias virá outra vez
Entre as névoas da montanha.

Seu rosto venerável
Surge novamente
Entre a névoa da montanha.

José Nunes Pereira 

segunda-feira, 7 de janeiro de 2019

VERDUGO

Persuadi o gigante verdugo
Que arranca os olhos dos pecadores luxuriosos,
Ele me disse que arranca uma parte da língua,
Daqueles que persiste no erro,
Para que, definitivamente, não mais encontrem Deus,
Mesmo quando o buscarmos desesperadamente.

A língua é o órgão para manifestarmos os nossos desejos e súplicas.

O gigante arranca o terceiro olho,
E ensurdece o ouvido mágico dos pecadores.

José Nunes Pereira 

Publicações

Marcadores